Estilos e padrões combinados para encantar, uso abundante de plantas  e painéis de madeira são alguns dos destaques no projeto da arquiteta Cynthia Karas 

Com a correria do dia a dia, as pessoas estão buscando ambientes que propiciam a sensação de pausa e distanciamento de suas atividades. Nesse sentido, vemos ganhar importância os espaços que mesclam aconchego, tranquilidade e versatilidade. Esse pensamento vale para projetos residenciais e comerciais. O Garden Coffee Lounge, projeto assinado pela arquiteta Cynthia Karas na CASACOR Balneário Camboriú 2017, é um bom exemplo.

casacor-cynthia_karas-savana-grafite-guararapes-1Batizado de Garden Coffee Lounge, o projeto tem um delicado trabalho com os painéis de MDF da Guararapes. Foto: Nena D.

A ideia de criar um refúgio para contemplar a natureza foi a proposta da profissional neste projeto. O café, de 150 m², se destaca por sua modernidade, mesclando propostas de estilo industrial e artesanal. Um jardim vertical com vegetação natural e floreiras suspensas contribuem na harmoniosa do espaço. Ideal para uma pausa e momentos de descontração.

O cimento e os acabamentos a mostra, no estilo industrial, em composição com a madeira, num caprichoso trabalho de composições geométricas sobre painéis de MDF, são outros atrativos do café. “É um espaço de paz, no meio da cidade”, diz Cynthia Karas.

Para a arquiteta, a aposta nesta mescla de estilos, vegetação e uma paleta de tons claros, proporciona uma arquitetura mais versátil. Na sua combinação, a profissional utilizou os padrões Savana e Grafite, da Guararapes.

Compondo de maneira bastante agradável com as paredes e o teto cimentado, o padrão Grafite, da linha Colors, se destaca por trazer a personalidade do estilo industrial. A utilização do padrão no balcão, por exemplo, brinca com o jogo da madeira e dos metais, presentes nas floreiras suspensas, e torna a arquitetura do espaço mais despojada. Objetos em bronze e dourado também se destacam na decoração do café.

PADRÃO SAVANA NO PROJETO DE CYNTHIA KARAS
Para evidenciar o toque de aconchego, a profissional optou pelo padrão Savana, da linha Dual Syncro. O projeto se vale da beleza da nogueira italiana presente no painel de MDF, para trazer o calor da madeira ao ambiente. O toque natural do padrão também aumenta a sensação de bem-estar.

casacor-cynthia_karas-savana-grafite-guararapes-5Para a arquiteta, o padrão Savana ajuda a evidenciar o toque de aconchego. Painel remente à beleza da nogueira italiana. Foto: Nena D. 

Outro ponto importante, é que o padrão Savana pode ser facilmente combinado com outras cores. Em projetos mais neutros ou ousados. Além do Grafite, o Marsala é uma ótima opção para quem optar pela linha Colors. Já para ambientes com tons mais claros, o padrão Sibéria, da linha Dual Syncro, propicia uma boa combinação.

CRITÉRIOS DE ESCOLHA PARA O CAFÉ
Segundo Cynthia Karas, a inspiração para conhecer novos painéis e suas possibilidades vêm de diversas fontes, como viagens, pesquisas e também da internet. Além da qualidade do material, outro ponto importante para a arquiteta na hora da escolha dos painéis que irá utilizar em um projeto é a autenticidade das cores.

“Eu gostei muito dos produtos da Guararapes, pois as cores dos catálogos são 100% fiéis às entregues. Além disso, a acessibilidade à fábrica e o fato de terem me apoiado desde a primeira conversa nesse projeto foram essenciais para essa parceria”, relata. O Garden Coffee Lounge foi um dos destaques da primeira edição da CASACOR Balneário Camboriú 2017.

casacor-cynthia_karas-savana-grafite-guararapes-3O projeto combina o estilo industrial e artesanal com uma vegetação abundante. Foto: Nena D.